No clima de carnaval a equipe da secretaria de saúde, colocou em prática o Projeto "Brinque o carnaval, não brinque com a saúde". Para atender as pessoas, foi montada uma tenda na Praça da Árvore Grande, as marchinhas além de chamarem a atenção do público deram uma alegria ao local, onde eram distribuídas camisinhas, folhetos informativos, além de aferição de pressão e medição de glicose e de dicas de como se prevenir contra as doenças sexualmente transmissíveis que aumenta consideravelmente durante o Carnaval, de acordo com os índices do Ministério da Saúde, além desse objetivo principal, aconteceu também a aferição de pressão e distribuição de folder com dicas vitais para se evitar futuros problemas.

Em entrevista a Secretária de Saúde Thaís Bittar disse que a Secretaria de Saúde juntamente as demais Secretarias estão realizando vários projetos que envolvem palestras e apresentações de vídeos que demonstra claramente os efeitos negativos das doenças dentro do organismo, e quais os caminhos para evitar a contaminação. Infelizmente o período do Carnaval há uma desaceleração nas prevenções por parte das pessoas, principalmente do jovem que sempre acha que nada irá acontecer com ele, mas são os mais vulneráveis relatou Thaís Bittar que salientou também – “que o levantamento mais recente do Ministério da Saúde mostra que a epidemia de Aids tem se concentrado, principalmente, entre populações vulneráveis e pacientes mais jovens. Segundo a pasta, destaca-se o aumento entre jovens de 15 a 24 anos, sendo que entre 2006 e 2015 a taxa entre aqueles de 15 a 19 anos mais que triplicou, passando de 2,4 para 6,9 casos a cada 100 mil habitantes. Entre as pessoas de 20 a 24 anos a taxa dobrou, passando de 15,9 para 33,1 casos a cada 100 mil habitantes”.

Sabemos que ainda há muitas pessoas que se sentem tímidas diante do assunto, devido a vários fatores sociais que os norteiam, porém além da tenda, a população poderá se dirigir aos Postos de Saúde em todos os bairros e nos distritos, as nossas equipes estão capacitadas para atender e orientar a todos como já vem sendo feito nas Unidades de Saúde da cidade, afirmou Thaís Bittar.

O Prefeito Fabrício Baião disse ser muito salutar a presença da Secretaria de Saúde como o objetivo em promover e difundir medidas que venha de encontro com os anseios e com as necessidades da população sapucaiense, ele afirmou ainda que ainda existem muito preconceito e muita timidez quando se trata sobre a sexualidade, porém é necessário e primordial difundirmos entre todos os temas, pois quando possuímos o esclarecimento somos alto protegido, a informação é tudo, parabéns a Secretária e toda equipe pela iniciativa.